Notícias

Governo cria fundo para posicionar Portugal como destino de cinema

Já entrou em vigor o Fundo de Apoio ao Turismo e Cinema, que pretende captar grandes eventos internacionais, promover a produção cinematográfica e audiovisual, afirmar Portugal como um destino de filmagens e cinema, e criar instrumentos de financiamento das empresas do turismo.

Este fundo tem um capital de 50 milhões de euros, mas vai contar inicialmente com 30 milhões de euros, dos quais 10 milhões vão ser aplicados na captação de grandes eventos internacionais, outros 10 milhões vão ser canalizados para o apoio às empresas e os restantes 10 milhões de euros vão ser aplicados anualmente como incentivo à produção cinematográfica e à captação de filmagens internacionais. O fundo vai ser gerido pelo Turismo de Portugal, em articulação com o Instituto do Cinema e do Audiovisual.

O fundo “vai permitir que Portugal se posicione como um dos principais destinos para filmagens e cinema no mundo. Temos um país com condições excepcionais – paisagens, clima, hospitalidade, que queremos potenciar com este novo regime de incentivo. Queremos que Portugal esteja no top das opções de países em que produtores e realizadores pensam quando quiserem fazer filmagens”, afirma a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho.

Para o secretário de Estado da Cultura, Miguel Honrado, o fundo “vai reforçar a competitividade de Portugal enquanto local de produção cinematográfica e audiovisual e estimular a actividade dos produtores e coprodutores nacionais. Será um importante instrumento para atrair produções de qualidade, que aproveitem da melhor forma todo o potencial dos recursos nacionais e valorizem a cultura”.

Tags: Turismo, Eventos, Cinema, Destinos, Portugal

25-06-2018