Destinos

A projecção internacional veio na maré alta, com as ondas gigantes a levarem mundo fora o nome da cidade e do país.

Se for à IT&CM Asia, e tiver um dia livre na agenda de trabalho, saiba o que fazer na capital tailandesa.

Em Marrocos, oásis de cidades vibrantes convivem com o Saara, e o Reino está a tirar dividendos da sua aura misteriosa no turismo de negócios.

Está em Siem Reap e tem um dia livre na agenda de trabalho? Aproveite para passear e conhecer esta cidade do Camboja.

Um país, seis regiões turísticas e mais de 40 destinos - assim se apresenta a Argentina, um país sempre em crescimento na meetings industry.

O Turismo da República Dominicana revela alguns dos locais ainda pouco explorados no país.

Depois de ter estado três anos encerrado para obras de reparação e renovação das infra-estruturas, o Wat Arun – o famoso Templo do Amanhecer, situado em Banguecoque – vai reabrir ao público.

O Ruanda deixou a guerra no passado e atirou-se com força ao turismo e à Meetings Industry. Está, neste momento, no terceiro lugar do ranking africano da ICCA.

A Gronelândia não é um destino óbvio para a Meetings Industry. Mas uma viagem a esta ilha de auroras boreais, icebergues e pequenas cidades geladas pode ser uma experiência de vida.

A antiga capital do Japão está polvilhada de história, tendo sobrevivido quase incólume à Segunda Guerra Mundial. E é nos frutos dessa história que eventos de todo o mundo querem deixar a sua marca.