Reportagens

ONU Portugal pela primeira vez no NOS Alive

Com um stand próprio, a ONU Portugal quis sensibilizar os mais jovens para os 17 objectivos do desenvolvimento sustentável.

“O que a ONU Portugal procura fazer é juntar-se aos grandes eventos, e o NOS Alive é um evento de uma dimensão, e de uma importância, incontornável em Portugal, e o que tentamos fazer é chegar à juventude, ter uma maior proximidade, para que os jovens consigam perceber melhor o trabalho das Nações Unidas”, explica António Ferrari, assessor de Comunicação das Nações Unidas para Portugal, à Event Point.



O objectivo é conseguir envolver os mais jovens nas diversas causas que movem a organização. No NOS Alive, a ONU Portugal disponibilizou um quadro preto onde as pessoas podiam escrever livremente mensagens sobre as principais preocupações. Além disso, foram distribuídos sacos feitos a partir de materiais recicláveis, no sentido de procurar alertar para o uso generalizado do saco de plástico. “Tentamos que as pessoas olhem para os 17 objectivos do desenvolvimento sustentável, escolham aqueles que lhes parecem mais importantes, tiram uma fotografia com uma moldura, com esse objectivo, e ajudam-nos a promover a causa nas redes sociais”, refere o assessor.

Tendo em conta as novas formas de comunicação, também a ONU tem procurado modernizar-se e adaptar-se ao novo paradigma. A estratégia passa por uma maior presença nas redes sociais, mas também por uma proximidade maior com as pessoas. Por isso, a ONU Portugal vai associar-se a outros grandes eventos nos próximos meses.
 

Tags: NOS Alive, ONU Portugal

17-07-2018