Radar

AIPC, ICCA e UFI atualizam guia de boas práticas

A AIPC (International Association of Convention Centres), a ICCA (International Congress and Convention Association) e a UFI (Global Association of the Exhibition Industry) atualizaram a primeira versão de um guia de boas práticas, que foi lançado em maio. O ‘Good Practice Guide: Addressing Covid-19 Requirements for Re-Opening Business Events – Version 2’, que faz parte de uma série de publicações das três associações relacionadas com a pandemia, inclui 12 mini casos de estudo e aprendizagens de eventos bem-sucedidos que decorreram em julho e agosto em todo o mundo.

O setor dos eventos já começou a mexer, colocando protocolos sanitários em prática. E, embora nos últimos tempos se tenha registado um aumento dos eventos virtuais, em vários países já se realizam eventos ao vivo, também fruto da vontade de muitas empresas em privilegiar o contacto presencial. As associações lembram que vários estudos mostram que as empresas preferem as reuniões ‘cara a cara’ em eventos ao vivo como canal de marketing para o contacto com os clientes e fornecedores depois da pandemia.

Confiança é a palavra chave. As três associações consideram que é necessário mostrar que os eventos de negócios podem realizar-se em ambientes controlados, que seguem os regulamentos impostos para minimizar os riscos. E os indicadores dos eventos já realizados em todo o mundo suportam este argumento. Por isso, a AIPC, a ICCA e a UFI (parceiros G3) apresentam um guia de boas práticas, que complementa três publicações: ‘Good Practice Guidance to Covid-19 for Convention and Exhibition Centres’; ‘Good Practice Guidance for the Use of Centres as Temporary Emergency Facilities’ e ‘Good Practice Guide: Addressing COVID-19 Requirements for Re-Opening Business Events’. O documento faz parte de uma série de publicações que as associações têm partilhado com os seus membros, no sentido de apoiar o trabalho de criar condições, que vão permitir a reabertura das suas atividades.

“Como demonstrado ao longo dos últimos meses, proporcionar uma estrutura e recursos como este guia tem uma importância fulcral quando se trata de uma reabertura bem-sucedida dos eventos organizados”, refere Aloysius Arlando, presidente da AIPC, em nota de imprensa. “Esta versão atualizada inclui lições que aprendemos com os nossos membros da comunidade global e alguns bons exemplos de colegas que reabriram os seus negócios com sucesso e que estão felizes por partilhar as suas experiências com toda a indústria. O G3 prova, uma vez mais, a sua força de colaboração ao dar à nossa comunidade informação pertinente e bons casos de estudo, que podem servir como referência úteis para avançarmos para um mundo pós-Covid.”

James Rees, presidente da ICCA, acrescenta: “A colaboração e a partilha de conhecimento são os mais importantes fatores de sucesso durante tempos desafiantes. Toda a nossa indústria é baseada na premissa de que a união por bom conteúdo e educação melhora as organizações. Por isso, é vital que demonstremos isso com o nosso próprio trabalho e os nossos próprios esforços para minimizar o impacto da Covid-19 no nosso setor e para sairmos mais fortes do que nunca. Este guia destaca algumas das principais ideias e histórias de sucesso na nossa indústria nos últimos meses. É o reflexo de muito trabalho e perseverança face a dificuldades reais e eu recomendo-o aos colegas de todo o mundo. Em particular, os casos de estudo mostram uma variedade de abordagens diferentes e ideias criativas que assegurar que os eventos continuem a ser um sucesso para todos os envolvidos. Há aqui qualquer coisa para todos, não importa o papel que desempenhem na organização de conferências, congressos e eventos.”

“As feiras e, na verdade, todo o setor dos eventos estão entre os mais afetados pela pandemia. Uma das primeiras indústrias a fechar em março, em muitas partes do mundo estão prestes abrir as suas portas outra vez. No entanto, obter a luz verde para abrir portas e reabrir os nossos eventos é apenas o primeiro obstáculo que enfrentamos. Temos de garantir aos nossos visitantes e clientes que podem ter confiança nos nossos eventos, para se reencontrarem cara a cara e reconstruir os seus negócios. Como um setor presencial, sempre tivemos como prioridade a segurança dos nossos visitantes, e este guia mostra as várias formas como nós, enquanto indústria, estamos a trabalhar para implementar as melhores práticas para alcançar isso”, complementa Mary Larkin, presidente da UFI.

Depois da distribuição deste guia, as associações parceiras vão promover um evento online para facilitar a implementação das recomendações deste guia.

 

Good Practice Guidance Reopening Business Events V2 on Scribd

Tags: Eventos, Meetings Industry, Feiras, Guia, AIPC, ICCA, UFI, Covid-19

16-09-2020