Radar

Barcelona: Primavera Sound organiza concertos com público em abril

O Primavera Sound, em parceria com o Grup Balañá, vai levar ao Teatro Coliseum, em Barcelona, uma semana de música ao vivo, num formato “o mais próximo possível” do tradicional, cumprindo todas as normas de saúde e segurança em vigor, lê-se no site do festival espanhol. Trata-se do ciclo ‘Nits del Coliseum’, que decorre de 26 abril a 2 de maio.

A organização do Primavera Sound lembra que há quase um ano que a música ao vivo parou e que “precisamos de nos voltar a ligar com os artistas num ambiente que seja o mais semelhante possível ao que existia antes”. “É tudo sobre recuperar sensações, em preparação para quando pudermos finalmente experienciar a música ao vivo novamente como fazíamos antes”, acrescenta a organização do festival.

O programa apresenta José González (26 de abril), Deformed Weekly (27 de abril), Califato ¾ (28 de abril), Derby Motoreta’s Burrito Kachimba (29 de abril), Bizarre Love Triangle (30 de abril), Los Hermanos Cubero feat. Amaia, Christina Rosenvinge, Grupo de Expertos Solynieve, Hendrik Rover, Josele Santiago e Rodrigo Cuevas (1 de maio) e Mujeres (2 de maio).

Em janeiro, o Primavera Sound, o Hospital Universitário Germans Trias i Pujol e a Fight AIDS and Infectious Diseases Foundation apresentaram os resultados de uma experiência, realizada em dezembro, para testar a hipótese de que assistir a um espetáculo ao vivo, com condições de segurança, não está associado ao risco de aumento de infeções por SARS-CoV-2. O estudo indica que nenhum dos participantes do evento foi infetado com coronavírus.

A organização do festival mantém agendada a edição deste ano do Primavera Sound, quer em Barcelona (de 2 a 6 de junho), quer no Porto (de 10 a 12 de junho).

 

©Hugo Lima | Nos Primavera Sound 2017

 

Tags: Eventos, Festivais, Cultura, Música, Primavera Sound

24-02-2021