Notícias

ATF 2019: Paixão também nos negócios em Singapura

O sector MICE representa um papel importante na economia do país.

A Singapura orgulha-se de ser um destino apaixonado pelo turismo, um destino para eventos de qualidade, onde a paixão é tornada possível. E o sector MICE representa um papel importante nesta caminhada e na economia do país.

Só na primeira metade de 2018, a Singapura registava 9,2 milhões de visitantes, mais 7,7% do que no mesmo período do ano anterior. E desse número, cerca de 1,3 milhões (15%) de visitantes eram viajantes de negócios, chegando ao país pela mão do sector MICE e contribuindo 2,2 mil milhões de dólares de Singapura, 22% do total das receitas turísticas. Estes dados tinham sido deixados pelo ministro do Comércio e Indústria, Chee Hong Tat, na abertura da IBT Asia 2018, que decorreu em Singapura.

O número de entradas internacionais aumentou naturalmente até aos últimos meses do ano. De acordo com o Singapore Tourism Board, na sua apresentação no ASEAN Tourism Forum 2019, no total, entre Janeiro e Novembro do ano passado, o país registou a entrada de 16,9 milhões de visitantes internacionais, mais 6,6% do que no mesmo período de 2017. China, Indonésia, Índia, Malásia e Austrália foram os principais mercados.

“Passion Made Possible” é a marca lançada pelo Singapore Tourism Board e que abre novas possibilidades aos turistas. O investimento tem sido feito para captar novos visitantes, quer em novas atracções turísticas, quer em infra-estruturas, quer também num calendário recheado de eventos. Novos hotéis abriram e foi registado um aumento no sector dos cruzeiros, com mais navios e mais passageiros a entrar no país. Singapura já tem eventos previstos para os próximos anos, eventos com um número elevado previsto de participantes, como o Lions International 2020 ou a Rotary International Convention 2024.

 

Maria João Leite*

*Viajou para o Vietname a convite do ATF

Tags: Turismo, Eventos, Conferências, Ásia, Singapura, ATF

11-02-2019