Notícias

APECATE defende reforço dos apoios aos setores mais afetados

A APECATE – Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos defende o reforço dos apoios aos setores que têm sido mais afetados pela pandemia. O manifesto surge na sequência do anúncio do encerramento da receção de candidaturas a dois programas de apoio.

A Autoridade de Gestão do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (Compete 2020) comunicou o encerramento da receção de candidaturas ao programa Apoiar.pt e Apoiar Restauração, por ter sido atingido o limite do orçamento determinado. Com esta decisão, e porque só este mês conseguiram reunir as condições para se candidatarem, várias empresas vão ficar de fora das candidaturas a estes apoios. A APECATE lembra, em comunicado, que lhe foi “assegurado que haveria tempo para submissão das candidaturas”, mensagem transmitida aos membros da associação.

“Defendemos ser essencial o reforço da verba para este que é um apoio crucial num setor que tem sido particularmente afetado pelas medidas de confinamento em virtude da pandemia por Covid-19”, lê-se na nota de imprensa, que acrescenta: “Para a APECATE, impõe-se que este tipo de medidas seja acessível a mais entidades, num momento em que ainda não há qualquer previsão de quando as empresas destes setores poderão voltar a exercer as suas atividades. Sendo também este tipo de decisões de encerramento das candidaturas sem qualquer pré-aviso bastante nocivo para a relação entre os empresários e o Governo.”

A APECATE relembra que também o programa Adaptar foi suspenso, depois de esgotado o orçamento definido, e que não foi relançado, pelo que muitas empresas foram impossibilitadas de beneficiar desse apoio. “Não podemos deixar, no atual cenário que as empresas vivem, que o mesmo aconteça com o programa Apoiar, pelo que defendemos o reforço da verba com urgência”, conclui a APECATE.

Tags: Eventos, Congressos, Animação Turística, APECATE

09-02-2021

Últimas Notícias