Notícias

Autotestes à entrada são válidos para o acesso a grandes eventos

A DGS atualizou as orientações relativas a eventos de grande dimensão e aos eventos culturais.

Para o acesso a eventos de grande dimensão é necessária a apresentação de um teste negativo à covid-19, que pode ser um autoteste realizado à entrada, sob supervisão e verificação dos responsáveis pelo acesso aos respetivos espaços, refere a Direção Geral da Saúde (DGS) na orientação relativa a eventos de grande dimensão. Estão aqui incluídos eventos desportivos, culturais, corporativos e todos aqueles que possam reunir a partir de cinco mil pessoas em local aberto ou mil pessoas em local fechado.

Na semana passada, o primeiro-ministro António Costa anunciou que a partir de 10 de janeiro passaria a ser obrigatória a apresentação de teste negativo para o acesso a grandes eventos a quem não tem dose de reforço há mais de 14 dias. Fica isento de apresentar um teste negativo quem apresentar um certificado digital de recuperação, quem tiver sido vacinado há pelo menos 14 dias com uma dose de reforço e quem tiver menos de 12 anos.

Além disso, foi também anunciado que o acesso a espetáculos culturais voltaria a estar dependente da apresentação de certificado digital ou teste negativo. A orientação da DGS relativa aos eventos culturais acrescenta que é necessária a apresentação de certificado digital Covid da União Europeia, comprovativo de vacinação (esquema vacinal completo há, pelo menos, 14 dias) e comprovativo de teste negativo ou autoteste realizado no momento, sob supervisão dos responsáveis.

Quer nos eventos de grande dimensão, quer nos eventos culturais, a DGS recomenda a não ingestão de alimentos ou bebidas no interior dos espaços.

 

Tags: Eventos, Espetáculos, Medidas, Covid-19

11-01-2022

Últimas Notícias