Entrevistas

A música ao vivo “transforma a atmosfera de qualquer tipo de evento”

Entrevista a Gabriela Fernandes, fundadora e diretora do projeto Os Músicos On The Road.

No âmbito da marca Os Músicos, surgiu o projeto On The Road, que aborda a animação musical em diversos tipos de eventos, quer “assegurando a componente de consultoria” ao cliente, quer dando “apoio técnico aos artistas contratados”. Gabriela Fernandes, fundadora e diretora do projeto, contou à Event Point como surgiu esta ideia, que tipo de serviços estão disponíveis e como a música pode abrilhantar um evento e até trabalhar competências.

 

Como surgiu a ideia de criar este projeto?

O ‘Os Músicos On the Road’ nasce da perceção de uma necessidade de mercado. Estando inseridos na área do Ensino Artístico desde 2015, com a Academia de Música de Miraflores, fomos sendo abordados por clientes que necessitavam de ajuda com a organização da animação musical dos seus eventos (quer particulares, quer corporativos). No fundo, o público reconhecia o nosso know-how na matéria – pelo facto de sermos músicos e termos, invariavelmente, uma rede de contactos na área, mas também pela experiência na organização de eventos de diferentes dimensões no âmbito da atividade da academia – e acabava por vir ter connosco em busca de aconselhamento e mesmo de colaboração na resolução de ‘problemas de última hora’. No fundo, temos a experiência ‘na primeira pessoa’ do lado do artista, que atua em diferentes tipos de eventos, contextos, tem de gerir os seus clientes e é confrontado com todo o tipo de condições para executar a sua performance; mas também temos a experiência do lado do cliente, que tem de gerir prazos, budgets, inúmeras equipas técnicas que têm de estar coordenadas e alinhadas e acaba por ter de tomar decisões sobre temáticas sobre as quais nem sem sempre está absolutamente confiante – a animação musical é, quase sempre, uma delas. Percebemos que havia necessidade de criar um serviço que funcionasse como ‘ponte’ entre estes dois lados, assegurando a componente de consultoria tão necessária para o cliente, mas também o apoio técnico aos artistas contratados.

 

Que serviços e elementos diferenciadores o projeto On The Road tem para oferecer ao setor dos eventos?

Quando o cliente contacta o ‘Os Músicos On the Road’ dá início a um processo de consultoria à medida para identificar e garantir o entretenimento musical perfeito. Asseguramos um serviço totalmente personalizado e que tem como principal objetivo acompanhar o cliente desde o primeiro momento da organização do seu evento. Este processo começa com um diagnóstico que visa identificar o perfil do cliente (seja corporativo ou particular), bem como as características do evento e as respetivas necessidades relativamente à componente musical.

 

eventpoint revista magazine entrevista interview musica music eventos events

 

Os organizadores de eventos ou as empresas procuram consultoria musical? Ou este é um caminho ainda a desbravar no setor?

O conceito de consultoria musical é algo relativamente recente e, por isso, há ainda trabalho a fazer na divulgação do conceito e esclarecimento do tipo de serviço. Para quem trabalha regularmente a organização de eventos, é fácil perder a inspiração (e a paciência), acabando por deixar a componente musical para o fim. Nestas situações, o mais comum é repetir a animação musical do ano anterior ou recorrer ao guitarrista que tocou no casamento do amigo. Não quer dizer que não sejam opções muito válidas! Mas como não houve nenhum profissional a analisar as necessidades do cliente e, posteriormente, a dedicar tempo na pesquisa exaustiva das várias opções possíveis, é provável que houvesse soluções mais adequadas e, muitas vezes, também mais criativas.


O que tem mais peso na empresa: a música para eventos particulares ou corporativos?

Pelo menos nesta fase inicial, temos tido um maior volume de trabalho no âmbito dos eventos corporativos. A organização de eventos nas empresas como forma de lançamento de novos produtos e serviços, ativação de marca ou mesmo celebração de metas e resultados é, mais do que nunca, uma estratégia bem presente nas empresas, independentemente da sua escala. Para além dos eventos, também a organização de iniciativas de team building continua em pleno crescimento nas empresas nacionais. A música é a atividade que melhor se adequa ao incentivo da criatividade, ao desenvolvimento do trabalho em equipa, à motivação e à diversão, tendo inclusivamente, inúmeros benefícios a nível terapêutico. Com as empresas (e as pessoas) ligadas à tecnologia de forma cada vez mais intensa, a música apresenta-se como uma forma alternativa de trabalhar competências fundamentais para o sucesso das equipas e dos projetos.


Como é feita a escolha musical para os diferentes segmentos?

As combinações possíveis para os vários tipos de eventos são virtualmente infinitas! Começando na escolha do estilo musical (clássico, jazz, pop, rock, soul, entre muitos outros) e passando pelo tipo de formação (solista, dueto, trio, big band, grupo coral, orquestra, …). Por esse motivo, a fase inicial de diagnóstico é fundamental para podermos avaliar a identidade do público-alvo, o caráter da empresa e o motivo da realização do evento, seja particular ou empresarial. Apenas com esta informação poderemos encontrar a solução mais otimizada às expectativas dos clientes.

 

eventpoint revista magazine entrevista interview musica music eventos events

 

De que forma a música ao vivo pode valorizar um evento?

Ainda que o reportório seja familiar, a interpretação musical ao vivo produz um estímulo e entusiasmo que não é possível obter com uma setlist de temas gravados. Desta forma, a incorporação de música ao vivo transforma a atmosfera de qualquer tipo de evento, potenciando não só um ambiente positivo e enérgico, mas também o sentimento de comunidade através da partilha do momento musical.

 

Maria João Leite

Tags: Entrevistas, Eventos, Team Building, Música

16-09-2019